Primeira aluna com nanismo formada na UFF-Niterói, Andrea fala sobre sua trajetória

Andrea Faria é a mais nova formada da Universidade Federal Fluminense. A aluna é a primeira com nanismo que completa a graduação em pedagogia neste primeiro semestre de 2017. A 'pequena notável', como foi apelidada, contou para o Sensibiliza quais foram suas maiores barreiras e seus novos sonhos para o futuro. "A sensação de estar formada… Continuar lendo Primeira aluna com nanismo formada na UFF-Niterói, Andrea fala sobre sua trajetória

Anúncios

Homenagem ao Dia Internacional da Síndrome de Down

Há 11 anos atrás o pequeno Padawan (ou Bielzinho maneirão) chegava por aqui arrebatando corações, trazendo muitas felicidades e também alguns medos e angústias. Imaginar os desafios e exclusão que alguém tão querido pode enfrentar nessa sociedade produtivista é de embrulhar o estômago. Entretanto, rapidamente Biel foi dando provas de que essa insegurança estava mais… Continuar lendo Homenagem ao Dia Internacional da Síndrome de Down

Embaixadores da Alegria vai desfilar no Sambódromo do Rio

O bloco Embaixadores da Alegria vai desfilar no Sambódromo do Rio, abrindo o desfile no Sábado das Campeãs, dia 04 de março de 2017. O enredo deste ano será a "A alegria que nos alimenta", ao retratar a origem da comida brasileira. "As expectativas são as melhores para que possamos carnavalizar nossas emoções, ao passar… Continuar lendo Embaixadores da Alegria vai desfilar no Sambódromo do Rio

Projeto #PARAnoivas é tema do Diversidade na Rua

Juliana Rezende, 35 anos, é maquiadora profissional. Durante um tempo, ela observou que mulheres com deficiência desistiam de realizar a desejada cerimônia de casamento. O motivo? Não encontravam locais apropriados, vestidos que atendessem às suas necessidades e, principalmente, profissionais interessados na diversidade. Desta forma e inspirada pelas Paralímpíadas, Ju Rezende criou o projeto #PARAnoivas com… Continuar lendo Projeto #PARAnoivas é tema do Diversidade na Rua

‘A criança é surda, a família quer saber’, por Esmeralda Stelling

Esmeralda Peçanha Stelling é mãe ouvinte de um filho surdo de 47 anos, Alexandre. Foi a partir da sua experiência pessoal, que ela se sensibilizou para a causa. Hoje, a professora pertence ao movimento surdo, e a chamada comunidade de solidariedade, de surdos e ouvintes. Trabalha também com a evangelização de surdos espíritas e coordena… Continuar lendo ‘A criança é surda, a família quer saber’, por Esmeralda Stelling

Piquenique Inclusivo: ocupando espaços públicos

“Eu costumo brincar dizendo que não fui eu que escolhi a inclusão, a inclusão que me escolheu, desde antes deu nascer, ela já estava ali me esperando”, essa é a realidade de muitos mães, pais, e parentes que tem que aprender a lidar desde cedo com os desafios de um mundo sem inclusão e acessibilidade… Continuar lendo Piquenique Inclusivo: ocupando espaços públicos